Aliviar a TPM: conhecer o seu próprio corpo é a melhor dica

Alimentação e atividade física ajudam a suavizar as crises

TPM. Só de ouvir essas três letras algumas mulheres (…e homens) sentem até arrepio. Todo mês, a famosa tensão pré-menstrual incomoda muitas mulheres alguns dias antes do ciclo menstrual, e leva muitas delas a ataques de nervos, inchaço, cólicas, dores de cabeça, irritabilidade e choro fácil. Mas a TPM desaparece com a chegada da menstruação.

E o que causa essa oscilação toda? O principal motivo é o desequilíbrio hormonal, basicamente do estrógeno, durante o período que antecede a menstruação. As reações da TPM não são iguais para todas. Cada mulher é única e a concentração de hormônios aparece de maneira diferente, com oscilações de um dia para o outro.

 

 

Fatores que intensificam as crises

O estilo de vida também está associado à TPM. Muitas vezes é uma retenção de água causada pelo excesso de progesterona, de hormônios no período pré-menstrual. Ou seja, é necessário que a mulher aproveite esse ciclo para ter mais cuidado com a sua alimentação e conhecer melhor o próprio corpo.

 

Dicas para aliviar a TPM

Você já sabe que a TPM faz parte de um ciclo natural do corpo da mulher e que esse é momento de autoconhecimento. Outra coisa que você precisa saber é que uma boa alimentação é fundamental. Portanto, consuma alimentos leves, como frutas, verduras, proteínas, carboidratos integrais, muita água e chás diversos.

Os produtos cultivados pelo Broto Rural são de lavouras que não utilizam agrotóxicos, pesticidas, fertilizantes sintéticos, adubos químicos, antibióticos da indústria química ou qualquer outro produto nocivo à saúde e ao meio ambiente, ajudando, ainda mais, na sua saúde, principalmente nos momentos de TPM.

Outra dica importante é a prática de exercícios, pois libera endorfina, responsável pela sensação de bem-estar, e ajuda a acalmar e aliviar dores. Em casos mais específicos, com dores mais fortes, o tratamento medicamentoso pode ser prescrito. Se você sente que pode ter algum sintoma que cause incômodo, procure um ginecologista.

 

 

 

Confira outros Blog Posts do Broto!